domingo, 8 de janeiro de 2017

Cronologia

Por um beijo eu faço até declaração e, por mais que isso possa soar falso, eu falo sério. Com um beijo seu eu declaro amor, guerra à solidão, declaro aos quatro ventos que você domina meus pensamentos e meu coração.

Faço jantar romântico ao invés de te levar a um restaurante, te acompanho em uma dança em qualquer lugar. Aprendo a gostar de pagode, tango, rock e quaisquer ritmos mais que você gostar – dançar, de fato, vai ser o maior desafio.

Sabe, o que me interessa e importa no final disso tudo é parar de pensar em você o tempo todo. Sabe por quê? Porque se eu não precisar só pensar, significa que te tenho quando passar das seis e já for noite, significa que dormirei do seu lado, te darei presente no dia dos namorados...Significa muito não ter que só pensar em você.

Mancha minha boca? De preferência, de vermelho. Sua boa fica linda de batom vermelho, seus olhos azuis e o cabelo preto ficam mais vivos e mais penetrantes: vão da alma ao coração em instantes e dominam até o mais fechado peito.

Desarruma minha cama? Seja fazendo amor ou espreguiçando ao acordar no sábado de manhã. Ou, então, podemos deixar a cama bagunçada mesmo, não precisa ser uma obrigação arrumar se sempre houver desejo de desarrumar.

Quero jantar na casa dos seus pais. Ver você ligando e marcando a tal “apresentação do amor da sua vida”, igual vi digitando na mensagem que enviou pra sua irmã; quero ver sua preocupação em chegar no horário mas, ainda assim, atrasar enquanto se arruma – e eu sempre te digo que basta a luz do sol pra te deixar mais linda ainda.

Imagina nós dois no altar. Ao ar livre, com os melhores amigos e a família assistindo ao primeiro momento mais especial de nossas vidas, chuva de arroz e abraços enquanto, de mesa em mesa, seus irmãos me fazem pedir dinheiro a quem estiver pelo caminho.

Pensa em um nome para o nosso primeiro filho? Porque eu sei como vai se sentir na primeira gravidez. Não vai ser nada fácil, mas estarei do seu lado seja dia ou noite e independente do desejo mais louco que apareça de madrugada. E virão mais dois filhos ainda, e muita madrugada pra eu passar acordado ninando e cuidando deles. E de você.

O casamento dos nossos filhos, a vinda dos netos, a idade passando. Uma cronologia simples, mas que vai ser única e especial: a nossa vida.

Seus cabelos já não serão tão pretos, mas ainda assim serão lindos e seus olhos ainda terão o azul vivo da juventude. Eu, entretanto, não terei mais os meus e, junto com isso, talvez não haja todo aquele vigor físico de quando nos conhecemos ou eu não escute tão bem a sua doce voz. Ainda assim eu sei que vai me amar até o fim.


Nada vai mudar nossa cronologia.

Nenhum comentário:

Postar um comentário